quinta-feira, 21 de outubro de 2021 08:59

Covid-19: Cartilhas informativas elaboradas pela Secretaria de Saúde auxiliam comunidade escolar

A retomada das atividades escolares exige o cumprimento de medidas sanitárias para evitar a contaminação



Assessoria de Comunicação - 23/09/2021 11:47h


Créditos: Divulgação

Com a autorização da retomada gradual das atividades escolares em Pernambuco, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), por meio da Superintendência da Atenção Primária, desenvolveu duas cartilhas informativas com orientações para uma volta às aulas com segurança destinada às crianças, adolescentes e adultos. A iniciativa destaca a escola como espaço de promoção da saúde e prevenção de doenças, com foco no conceito de saúde na perspectiva de ação intersetorial, envolvendo as áreas de saúde e educação. A divulgação do material junto aos atores do ambiente escolar conta com a parceria da Secretaria Estadual de Educação e Esportes (SEE), que já disponibilizou os arquivos digitais para as 16 Gerências Regionais de Educação (GRE) do Estado.

A partir da disposição do material, cada município poderá desenvolver suas estratégias para dar visibilidade às informações junto aos membros da comunidade escolar, seja de forma impressa, trabalhada em sala de aula ou via compartilhamento digital. “A cartilha é um documento de fácil entendimento, é um conteúdo de fácil acesso para o estudante, visualmente bem feito e muito prático. É um material muito importante para chegar nas escolas, necessárias para o período em que estamos vivendo”, fala o gestor da Gerência Regional de Educação (GRE) Metropolitana Norte, Saulo Guimarães. 

As cartilhas possuem aproximadamente 25 páginas, todas ilustradas e com textos curtos e diretos. Para o público infantil, um grupo de super heróis pede ajuda para a missão de combate a um vírus (o coronavírus), que desde 2020 vem adoecendo as pessoas em todas as partes do mundo. De forma lúdica, os personagens vão explicando quem é o vírus causador da Covid-19, as formas de transmissão, principais sintomas e como juntos podem atuar na defesa contra o vírus nas dependências escolares. Para os adolescentes e adultos, os aspectos de sintomatologias são mais detalhados e abordam a presença de sintomas específicos, como perda de olfato e do paladar, e o período de aparecimento da sintomatologia após a infecção, com um alerta importante para possibilidade de transmissão da doença nos casos assintomáticos.

“De forma geral, identifica-se a prevenção contra a Covid-19 como ações individuais que beneficiam o coletivo, como forma de escudo de proteção, e no ambiente escolar não é diferente. Na cartilha, destacamos evitar o contato próximo com os colegas, realizar a higiene das mãos, ficar atento ao uso correto da máscara facial, sempre cobrir a boca e o nariz. Além disso, frisamos a orientação sobre o não compartilhamento de lanches e materiais de uso escolar, como lápis, canetas, borracha, e de uso pessoal também, como toalhas, celulares e fones de ouvido”, alerta o coordenador estadual do Programa Saúde na Escola da SES-PE, Carlos Henrique Tenório Almeida do Nascimento.

“Pensando na promoção da saúde dentro do espaço físico, destacamos a necessidade de se manter as janelas abertas, quando a estrutura do prédio permite, como também a higienização constante de maçanetas, mesas, cadeiras e brinquedos e o espaçamento de, no mínimo 1 metro, entre as cadeiras”, reforça o coordenador.

Outro alerta importante feito no material é a comunicação rápida aos pais ou professores caso as crianças e/ou adolescentes apresentem sintomas gripais, e procurar ajuda do profissional de saúde. A medida também se aplica para os profissionais do grupo escolar, que, ao identificar algum estudante com sinais e sintomas de gripe, deve comunicar aos pais/responsáveis e orientar que esse estudante compareça a uma Unidade Básica de Saúde (UBS) para atendimento.

“O Zé Gotinha versão pernambucana chama atenção na cartilha para aproveitar este momento de cuidado e buscar o posto de saúde e atualizar o cartão de vacinação contra outras doenças, já que no momento as crianças e adolescentes ainda não são contempladas com a vacina contra o novo coronavírus”, acrescenta o coordenador.

O material aborda ainda o aspecto nutricional como importante aliado do organismo na defesa contra as doenças. A cartilha apresenta uma lista dos dez principais passos para uma alimentação saudável, com destaque para ingestão de alimentos in natura ou minimamente processados, auxiliam no fortalecimento do sistema imunológico por conta da presença de nutrientes, as vitaminas e minerais, além da importância do consumo de água várias vezes ao dia. A cartilha com as orientações para uma volta às aulas com segurança destinada às crianças, adolescentes e adultos, em sua elaboração, contou com a parceria da Coordenação Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável da SES-PE.

 


Enviar Mensagem

Voltar



Av. Afonso Olindense, 1513 | Várzea | Recife-PE |
CEP: 50.810-000 | Fone:(81) 3183.8203
Fale com a Ouvidoria 0800.286.8668