terça-feira, 19 de fevereiro de 2019 16:48

Começam as aulas para 580 mil estudantes da Rede Estadual

Abertura simbólica do ano letivo foi realizada pelo governador Paulo Câmara e o secretário de Educação e Esportes, Fred Amancio, nesta segunda-feira (4)



Assessoria de Imprensa - 04/02/2019 13:28h


Créditos: Hélia Scheppa/SEI

Seis e meia da manhã. Poucos estudantes haviam chegado, ainda estava muito cedo e o clima nublado desta segunda-feira (4) contribuiu para os cinco minutos extras na cama. Sete horas. O volume de estudantes chegando era bem maior e pouco a pouco os corredores da Escola Estadual Professor Pedro Augusto Carneiro Leão lotavam de jovens que buscavam as salas onde irão cursar o ano letivo de 2019.

 

Para os 930 estudantes da escola localizada em Beberibe, no Recife, o início do ano letivo trouxe algumas novidades: a escola foi beneficiada com o Programa Quadra viva e recebeu uma quadra poliesportiva com área total de 442m² de cobertura com dimensões de 17m x 26m, com arquibancada e equipamentos esportivos. Ao lado do equipamento, também foi inaugurada uma área de lazer equipada com jogos para uso durante o intervalo. Algumas salas foram climatizadas, colaborando com uma melhor qualidade de ensino.

Luiz Felipe está no 9º ano do Ensino Fundamental, último ano dele na escola regular. “Com essas melhorias dá para focar nos estudos sem ter preocupações com problemas externos, a gente se sente confortável na escola e se empenha mais na aula”, contou. Thamires Rafaele, de 14 anos, corrobora com o colega de turma. “A quadra coberta vai nos ajudar nas práticas esportivas e culturais também. A expectativa para esse ano é que a gente aproveite mais, já que é nosso último ano aqui”, comentou


A Escola Estadual Pedro Augusto Carneiro Leão foi o palco do ato simbólico de abertura do ano letivo da Rede Estadual. Participaram da solenidade o governador Paulo Câmara, o secretário de Educação, Fred Amancio, além de outras autoridades. “A gente busca a cada ano fazer com que o ensino público do estado de pernambuco cumpra seu objetivo de formar mais jovens, e que eles possam ter condições de entrar em universidades e obter bons empregos”, disse Câmara.

Atualmente, a Rede Pública Estadual conta com 1.060 escolas, sendo 352 na Região Metropolitana do Recife, incluindo Fernando de Noronha; 153 no Agreste; 152 na Zona da Mata; e 403 no Sertão do Estado, contemplando cerca de 580 mil estudantes. Para 2019 foram anunciadas 24 novas escolas em tempo integral, sendo 23 Escolas de Referência em Ensino Médio (EREMs), distribuídas em todas as regiões do estado, do litoral ao Sertão, e uma Escola Técnica Estadual, localizada no município de Bom Conselho, agreste pernambucano.

“Estamos iniciando o ano letivo em toda a rede, e é um dia especial em todo o Estado, pois estamos começando 2019 com mais 24 novas escolas em tempo integral. Agora, são 410 unidades ofertando essa modalidade de ensino. Somos uma grande família, que trabalha em equipe por todo o território pernambucano. São  cerca de 34 mil professores em 1060 escolas, e todas as melhorias são para que os jovens possam ter uma melhor qualidade de ensino”, contou Fred Amancio.

 

Com as novas unidades, 57% das vagas ofertadas no Ensino Médio em Pernambuco serão atendidas por unidades de regime integral, antecipando e superando a meta do Plano Nacional de Educação para 2024. Até o momento, as escolas que ofertam o ensino em Tempo Integral contabilizam 143.156 estudantes matriculados.
 

Além da ampliação das escolas em Tempo Integral, Pernambuco investiu também em unidades que ofertam a dupla jornada, experiência exitosa iniciada no ano de 2016. Agora, são nove unidades neste formato, com turmas estudando das 7h às 14h e outras das 14h30 às 20h40, permitindo que uma maior quantidade de jovens tenha acesso a esta modalidade de ensino. O estado implantou também, em seis unidades, o Tempo Integral para as duas etapas: Anos Finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio.

 

Outra novidade é a ampliação da carga horária de 105 escolas regulares da rede pública estadual, que passam de 833 horas para 1000 horas, criando um novo modelo para essas unidades. Esses jovens passarão a ter seis aulas por dia, com a inclusão de uma aula a mais de Língua Portuguesa e Matemática, duas de Projeto de Vida e Empreendedorismo, além de uma disciplina eletiva.
 



Enviar Mensagem

Voltar



Av. Afonso Olindense, 1513 | Várzea | Recife-PE |
CEP: 50.810-000 | Fone:(81) 3183.8203
Fale com a Ouvidoria 0800.286.8668