terça-feira, 12 de novembro de 2019 21:09

ETE Lucilo Ávila promove aulão inspirado no seriado ‘Escolinha do Professor Raimundo’

Com professores caracterizados, iniciativa tem por objetivo estimular os estudantes para a reta final do ENEM



Natália Santos - 07/11/2019 16:00h


Créditos: Kleyvson Santos

Para que os estudantes não percam o estímulo após a primeira prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), realizada em todo País no último domingo (3), os professores da Escola Técnica Estadual (ETE) Professor Lucilo Ávila Pessoa, no Recife, criaram um aulão especial que já está virando tradição na instituição. Este é o terceiro ano que o espaço reúne seus alunos no auditório para uma sequência de aulas lúdicas e que prendem totalmente a atenção dos jovens. Para este ano, a ETE preparou uma programação de estudos na tarde desta quinta-feira (7) com o tema "Enem é o que interessa, o resto não tem pressa", uma alusão ao famoso seriado "Escolinha do Professor Raimundo". 

Professores de diversas disciplinas se caracterizaram e fizeram a alegria das quatro turmas de terceiro ano presentes na atividade. “A gente percebeu que quando os meninos chegam nesta etapa final do Enem já estão cansados, saturados das aulas engessadas. Então essa foi a maneira que encontramos para passar o conteúdo de maneira engraçada”, explicou Juliana Oliveira, gestora da ETE há quatro anos e meio. “Todo ano eles ficam na expectativa para saber o que é. E quando entramos e damos início ao aulão percebemos de cara a diferença. Sentimos uma atenção e interação muito maior da parte deles, eles se relacionam ainda mais com a gente e isso motiva bastante o aprendizado”, complementou a professora do curso técnico de Administração, Daniela Glaete. 

Do outro lado, a aprovação foi unânime. Estimulados, os estudantes garantiram que sentem a diferença após atividades como esta, que fogem da rotina escolar. “Hoje temos um método muito tradicional de estudo, então essas atividades que a escola proporciona quebra paradigmas, se torna mais interessante e nos motiva. Enxergamos os professores de outra forma”, discursou Gustavo Henrique, que sonha cursar Direito. 

“O Enem nos sobrecarrega o ano inteiro, vivemos sob a pressão de ir bem no vestibular e entrar na universidade. Quando saímos da sala e presenciamos uma aula desse tipo, muito mais interativa e lúdica, aprender se torna muito mais fácil. Quando fazemos a primeira etapa do Enem, muitas vezes perdemos o ânimo para prosseguir, e esse aulão vem para voltarmos com todo o gás”, arrematou Isabella de Araújo, que pretende adentrar no curso de Psicologia. 

 


Enviar Mensagem

Voltar



Av. Afonso Olindense, 1513 | Várzea | Recife-PE |
CEP: 50.810-000 | Fone:(81) 3183.8203
Fale com a Ouvidoria 0800.286.8668