terça-feira, 27 de outubro de 2020 05:16

Secretário de Educação assina acordo com a iniciativa Aliança NEO Brasil

Com essa resolução, Pernambuco se torna pioneiro no Brasil e vai capacitar cerca de 70 mil jovens



Assessoria de Comunicação - 26/03/2018 17:13h


Créditos: Pedro Menezes

Nesta segunda-feira (26), o secretário de Educação do Estado, Fred Amancio, recebeu representantes da Aliança New Empertiement Opportunity (NEO) Brasil para assinatura de governança do acordo coletivo internacional de educação e empregabilidade. O objetivo do convênio é unir esforços para melhorar as oportunidades de emprego para os jovens de Pernambuco. O projeto que já atua em dez países da América Latina e Caribe, coloca Pernambuco como pioneiro no Brasil, a fim de inovar na metodologia de educação no estado visando a educação para o futuro. Com essa iniciativa, cerca de 70 mil jovens do estado serão beneficiados.

O Instituto Aliança lidera o NEO Brasil no estado de Pernambuco, uma parceria entre a iniciativa privada, governo e sociedade civil. As frentes a serem trabalhadas envolvem a articulação e integração entre os participantes, programas e políticas públicas relacionadas ao emprego juvenil, fortalecimento da qualidade dos serviços de educação profissional, orientação vocacional e para o emprego em 128 unidades educacionais, públicas e privadas, em todo o estado, de acordo com as demandas do mercado.

“A ideia não é só atacar o problema, mas é também criar uma maneira nova de olhar para os problemas que são comuns. No fim não é um projeto. É uma iniciativa para melhorar a vida dos jovens. Todas as estatísticas mostram que o maior índice de desemprego está entre eles”, afirma a coordenadora geral do NEO Brasil, Neylar Lins.

A iniciativa NEO contribui para fechar a lacuna entre as habilidades dos jovens e a demanda das empresas por profissionais qualificados. Metade das empresas da região enfrenta dificuldades em encontrar trabalhadores qualificados, especialmente para profissões técnicas,porque os candidatos não têm as competências necessárias ou carecem de habilidades para a vida,tais como senso de responsabilidade e espírito para o trabalho em equipe.

De acordo com Amancio, esse programa é importante para que os jovens que estão saindo das escolas técnicas possam estar cada vez mais próximos do mercado de trabalho. “O bonito do projeto não é apenas o envolvimento de uma instituição. Na realidade, ele envolve várias instituições para que esse projeto tenha um olhar amplo, que passa pela formação, que passa pelo olhar da empregabilidade, mas acima de tudo poder envolver um conjunto de instituições que carregam uma experiência muito grande. Não é apenas porque a gente tem uma escola de qualidade. Mas, o mais importante é que abra para eles perspectivas no mercado de trabalho”, finaliza.

O NEO é uma iniciativa liderada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), através do Fundo Multilateral de Investimentos (Fumin) e sua Unidade de Mercados do Trabalho (LMK), pela International Youth Foundation (IYF) e pelos seguintes parceiros: Arcos Dorados, Fundação Caterpillar, CEMEX , Fundação Forge, Microsoft, SESI e Walmart. No final de 2017, a iniciativa NEO estava presente em dez países da América Latina e do Caribe: Chile, Colômbia, El Salvador, Jamaica, México, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana e Brasil. 

 

Para ver mais fotos, clique aqui.



Enviar Mensagem

Voltar



Av. Afonso Olindense, 1513 | Várzea | Recife-PE |
CEP: 50.810-000 | Fone:(81) 3183.8203
Fale com a Ouvidoria 0800.286.8668